REGIÃO

23/08/2012 -- 07:24

Menina de seis anos é violentada e torturada por madrasta

Facebook
Twitter
Google +
Whatsapp
Surgerir Pauta
Comunicar Erro


Júlia da Silva, suspeito de violência e tortura contra uma criança
Um crime brutal foi praticado contra uma criança em Ibirarema. A menina, de seis anos de idade, sofreu sessões frequentes de tortura e, na última terça-feira, 21, teve o hímen rompido pelos dedos de sua madrasta, que foi presa no mesmo dia, indiciada por estupro de vulnerável e tortura. A agressora é Júlia da Silva, de 25 anos; casada com o pai da pequena vítima.
A violência teria sido praticada por ela sentir ciúmes da mãe da criança.

Segundo consta o pai não sabia de nada. A menina relatou que a mulher ameaçava lhe matar, caso contasse qualquer coisa a ele.A vítima, segundo informações extraoficiais, foi retirada da mãe biológica aos quatro anos, porque os tios abusavam dela quando a mulher saia de casa.

O crime foi denunciado à delegacia de Polícia Civil de Ibirarema na manhã de terça-feira por uma conselheira tutelar ao delegado Marcelo Armstrong Nunes. Tudo foi descoberto na escola, onde a criança chegou com a calça jeans ensanguentada e contou, com detalhes, ao que era rotineiramente submetida, à diretora e professora.

Segundo boletim de ocorrência a madrasta costumava espancar a enteada usando instrumentos como colher de pau, chinelo e cinto. Não bastasse, a mordia e colocava os dedos em sua vagina.

O delegado requisitou ao Instituto Médico Legal de Assis (IML) exame para constatar os atos libidinosos e as lesões corporais, para depois formar sua convicção sobre tudo que foi denunciado. Houve ruptura do hímen há cerca de quatro horas antes do exame, e várias equimose pelo corpo, recentes e antigas.

Diante as provas contundentes, o delegado Marcelo Armstrong Nunes determinou a prisão da mulher. A criança foi entregue a um parente até decisão judicial.

Delegado do caso


Redação Assiscity.com/Imagens TV TEM
Leia também!
INCÊNDIO
Ônibus do Sanfona de Ouro pega fogo em Cândido Mota
A suspeita é de que o incêndio seja criminoso
MUNIÇÃO
PF apura se carro lotado de munição seria entregue a facções no RJ
SUSTO
Bebê de dois meses quase morre afogado com leite materno
A criança foi salva graças à orientação que o bombeiro Ronaldo passou para a mãe
INVASÃO
Homem invade casa de idosa durante a noite procurando o amante da "Rosana"
A senhora dormia enquanto o homem gritava ; assustada ela se trancou no banheiro
ENGAVETAMENTO
Ambulância de Assis com paciente e acompanhante se envolve em acidente em Santa Cruz do Rio Pardo
Os três assisenses, que estavam na ambulância, não correm risco de morte
DESACATO
Policial quase é atropelado por motoqueiro em fuga
O suspeito era pardo, magro, usava camiseta branca, mas não foi identificado
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2017
Google Twitter Whatsapp Facebook