REGIÃO

09/01/2017 -- 10:37

Mãe tenta separar briga entre irmãos, mas é agredida com banco de madeira

O caso aconteceu no bairro Jardim Aeroporto, em Cândido Mota

Facebook
Twitter
Google +
Whatsapp
Surgerir Pauta
Comunicar Erro

Uma mulher de 53 anos tentou separar uma briga entre dois irmãos e acabou sendo agredida por um dos filhos, um rapaz e 21 anos. Um banco de madeira foi usado na agressão. O fato aconteceu no bairro Jardim Aeroporto, em Cândido Mota e a Polícia Militar foi chamada pouco depois das 16h de sábado, dia sete.

A equipe que atendeu à ocorrência classificada nos meios policiais como "Desinteligência" chegou ao local e encontrou a mulher dizendo que seu filho chegou em casa alterado e agressivo, começou a brigar com o irmão.

Neste momento, ao tentar separar, o filho de 21 anos pegou um banco de madeira e começou a agredi-la com golpes na cabeça, braço e no pé. Além disso, a todo o momento a ameaçava. A vítima apresentava lesões aparentes no braço direito e nos dois pés.

O acusado pelo crime de Violência Doméstica e Lesão Corporal foi conduzido à delegacia e, por não ter pago a fiança no valor de R$ 1.000,00, depois de ser indiciado ficou à disposição da Justiça na cadeia de Lutécia.



Caso foi registrado na Delegacia de Cândido Mota


Redação AssisCity.com
Leia também!
ASSALTO
Funcionário de supermercado é assaltado à mão armada em Tarumã
O funcionário estava levando dois malotes com aproximadamente R$46 mil
RELIGIÃO
Festa de Santos Reis foi realizada no sábado, 21, em Maracaí
Os alimentos arrecadados durante três meses foram utilizados para servir todos aqueles que participaram da confraternização
CAPOTAMENTO
Carro capota e atinge mulher que estava em acostamento de rodovia
Caso ocorreu na madrugada de domingo (22), em Marília (SP). Vítima e outra mulher esperavam por ajuda para trocar pneu furado
AFOGAMENTO
Jovem de 21 anos morre após se afogar em rio de Chavantes
Grupo de amigos foi surpreendido por correnteza
SEGUNDA VÍTIMA
Morre, Franciane, mãe de bebê encontrada carbonizada em Assis5
A avó, sobrevivente, e as outras três crianças estão sob os cuidados do Conselho Tutelar
TRAGÉDIA
Casa é incendiada, bebê morre carbonizado e mãe está em estado grave3
Duas pessoas estão internadas em estado grave no Hospital Regional
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2017
Google Twitter Whatsapp Facebook