REGIÃO

11/01/2017 -- 15:49

Homem é preso após agredir a esposa com cabo de vassoura

Casos de violência doméstica contra a mulher têm sido registrados com frequência

Facebook
Twitter
Google +
Whatsapp
Surgerir Pauta
Comunicar Erro

Um crime que tem se tornado rotineiro em Assis foi registrado pela Polícia Militar às 21h de terça-feira, 10, e encaminhado à Polícia Civil em seguida: mulher de 35 anos foi agredida pelo companheiro de 40 anos. O caso aconteceu no Parque Universitário e o acusado ficou preso na Cadeia de Lutécia.

Segundo relatos, o funileiro agrediu a doméstica com um pedaço de cabo de vassoura nas costas e ainda fez graves ameaças de morte. Quando a PM chegou na casa, ele confirmou as agressões e, mesmo na presença dos policiais, ameaçou: "eu vou sair hoje ainda da cadeia e quando voltar, vou te pegar".

Outra mulher, com 49 anos, esteve em seguida no Plantão Policial e se queixou do ex-companheiro, de 47 anos, de quem está separada desde o fim de 2015. Alega que há mais de um ano vem sendo perturbada em casa, no Bairro Assis II, e no local de trabalho, em Cândido Mota.

Na terça-feira à noite, diante da negativa de reconciliação amorosa, ele arremessou uma pedra no vidro do veículo da Vítima, um Chevrolet Corsa, guardado na garagem da casa, causando danos.



Redação AssisCity/Foto Arquivo
Leia também!
TRAGÉDIA
Rapaz de 18 anos morre ao sofrer uma descarga elétrica em Quintana
Tcheverton Henrique estava trabalhando na hora do acidente
MEIO AMBIENTE
Dia da Água é comemorado no Córrego da Fortuninha no Parque Buracão
Foi feita a retirada de vários materiais inservíveis e outros dejetos existentes à beira do córrego
TRÁFICOS
Polícia apreende 93 pedras de crack à tarde e 48 gramas à noite
Um adolescente de 17 anos e um desempregado de 23 anos ficaram presos
2 MIL LOTES
Caixa promove leilão virtual de joia em Bauru
São mais de 2 mil lotes expostos e o menor lance é de R$ 62
SOB O MEDO
Jovem sofre ameaças de morte por não reatar com ex-marido1
Recentemente a vítima foi gravemente ameaçada e agredida na rua
DESAPARECIMENTO
Morador de Echaporã sai para trabalhar e não retorna para casa
Ele está desaparecido desde às 5 h da quarta-feira, 22
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2017
Google Twitter Whatsapp Facebook