15 de Dezembro de 2017
17º/33º
NOTÍCIAS » ESPORTE

Após um ano, Joyce Ritir volta aos Jogos Abertos e conquista ouro no Kickboxing

A atleta disputou a medalha com adversárias de alto nível

No ano passado, a atleta Joyce Ritir se comprometeu com um grande objetivo e, após meses de muito treinamento, ela felizmente conseguiu chegar onde gostaria.

Joyce foi campeã de Kickboxing durante a 81ª edição dos Jogos Abertos do Interior, realizados na cidade de São Caetano.

Representante de Assis na competição e atleta da academia Marega Thai/Brazilian Thai, Joyce desbancou as adversárias em lutas que emocionaram a plateia e todos aqueles que admiram o esporte.

Bruno Marega é professor da atleta e comenta sobre os desafios que ela enfrentou para conquistar o lugar mais alto do pódio.

"No ano passado, a Joyce tinha acabado de começar a lutar quando participou dos Jogos Abertos do Interior, que é maior competição esportiva da América Latina e que reúne os melhores atletas do mundo, já que muitas equipes de várias modalidades contratam profissionais de outros países inclusive. Ela ainda era uma atleta muito precoce e que lutou com adversárias que já eram faixa preta na modalidade, mas isso só serviu de estímulo para que ela se superasse ainda mais. Quando ela desceu do ringue em 2016, ela disse que estava ali para aprender e firmamos um compromisso de que no ano seguinte ela voltaria para ser campeã, e felizmente foi o que aconteceu", afirma.

Após um ano todo de muita preparação e empenho, Joyce venceu as adversárias e surpreendeu a todos com o seu nível de habilidade no Kickboxing.

"A Joyce com certeza tem um talento nato, além de aprender muito rápido e de ser muito esforçada. Como treinador, eu não preciso falar duas vezes, pois todas as dicas ela absorve muito rapidamente e isso está evidente pela forma como ela evoluiu. Ela disputou a medalha de ouro com atletas de altíssimo nível, que já participaram de competições nacionais e internacionais de grande importância. Ninguém estava acreditando muito na nossa representante, mas a Joyce deu um show e emocionou o público, os jurados e também as suas próprias adversárias, que ao final da luta vieram cumprimentá-la e dar os parabéns", salienta.

Joyce foi campeã na categoria 56 quilos K1 e precisou de muita força de vontade para conquistar seus objetivos.

"Foram três etapas de competição e a cada dia era realizada uma nova pesagem. Para manter o peso de 56 quilos, nós fizemos um trabalho muito intenso e profissional para que ela pudesse atingir o peso diariamente. Foram muitas horas de sacrifício, para que ela chegasse a perder dois quilos em algumas horas, além de toda a preparação psicológica. A final aconteceu entre ela e a atleta Bianca Sattelmayer, que lutou recentemente na China e tem uma qualidade técnica incrível. Mas felizmente a Joyce deu um show, venceu a adversária por nocaute e foi aplaudida de pé pela conquista. Inclusive o secretário de Esportes, Silvio Bahia, esteve pessoalmente para acompanhar a final e cumprimentar a nossa atleta. Foi emocionante, não só como técnico, mas também como assisense e torcedor", acrescenta.

Dentre os próximos passos de Joyce, a atleta irá competir no Japão no ano que vem, após conquistar a vaga no evento Fight Dragon. Em 2017, ela também já foi sagrada campeã paulista e brasileira, o que mostra que está em uma ótima fase.

Outro atleta assisense também conquistou medalha durante a competição. Vinícius Dionízio ficou com o bronze na Categoria 81 quilos, após vencer no WGP, o maior evento de Kickboxing da América Latina, que foi realizado no início de novembro.

Confira as fotos:


Joyce durante a luta pela medalha de ouro


Atleta desbancou concorrentes de alto nível


Joyce comemora vitória ao lado de Bruno Marega


Mestre e aluna emocionados após vitória


Joyce disputou na categoria 56 quilos K1


Joyce Ritir no pódio


Joyce e o treinador Bruno Marega


Equipe assisense com Silvio Bahia


Vinicius Dionízio recebe cumprimentos de Silvio Bahia


Joyce também recebeu o carinho do secretário de Esportes


Redação AssisCity/ Fotos: Divulgação
+ VEJA TAMBÉM