25 de Junho de 2018
17º/33º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Conheça o primeiro motorista do Uber em Assis e saiba como usar o aplicativo

Lucas Gomes diz que foram mais de 40 corridas e ficou surpreso com a demanda

Desde este sábado, 10, começou a operar em Assis o famoso aplicativo Uber. Trata-se de um serviço de transporte individual de passageiros feito por motoristas cadastrados e que pretende agilizar a locomoção de muitos assisenses.

Lucas Gomes, de 28 anos, é o primeiro motorista de Assis a se cadastrar e prestar os serviços. Ele conta que neste primeiro final de semana de serviço, foram mais de 40 corridas.

"A demanda foi muito alta e além do esperado. Trabalhei durante 12 horas e foram mais de 40 corridas, inclusive para lugares mais longes, como em Cândido Mota. Cada corrida leva uma média de 10 a 15 minutos, então foi um final de semana de bastante trabalho”, afirma.

Lucas é estudante do quinto ano de Direito e tem uma padaria no Centro da cidade. Ele diz que a atividade como motorista é um extra, mas que seria importante que outros motoristas se cadastrassem.

"Seria muito importante que outros motoristas se cadastrassem também, porque não estou dando conta sozinho. O Uber é uma atividade extra para mim, quando sobra tempo no meu trabalho. Assis comporta essa tendência, assim como outras cidades da região também já podem se preparar. Ainda estou avaliando o retorno financeiro e acredito que o custo do combustível está sendo pago. O mesmo valor que gastei na gasolina, foi o lucro que consegui obter. Quanto mais o pessoal se cadastrar, maior a rotatividade e mais dinâmico o serviço fica”, salienta.

O pioneiro na prestação do serviço em Assis conta que fez o cadastro pelo site do Uber há um ano.

"Fiz o cadastro há um ano, pelo site do Uber, e fui aprovado. Estava no aplicativo e de repente ele começou a tocar. É um cadastro simples, que qualquer um pode fazer, mas não imaginava que seria dessa maneira e com tanta demanda. Para se cadastrar é preciso ter um carro com os requisitos que o Uber pede, como seguro e documentação em dia. Também é preciso que o motorista tenha Carteira Nacional de Habilitação para atividade remunerada, entre algumas outras exigências. Isso tudo para que os passageiros possam ter segurança na hora de usar o serviço”, salienta.

Lucas acrescenta que é preciso ficar atento para que não haja aproveitadores.

"É importante alertar os passageiros de possíveis aproveitadores. Estou vendo pessoas cobrando para fazer cadastro das pessoas no Uber, sendo que todo o procedimento é gratuito, além de outros falando que são da Uber, mas não estando cadastrado no aplicativo”, explica.

Saiba como usar o Uber

A primeira cidade do interior a receber o serviço Uber foi Campinas, em 2016, mas desde então os municípios da lista só aumentam.

Se você ainda é novo nessa tecnologia do Uber e quer saber mais sobre como usar o serviço, atenção!

Basta você baixar gratuitamente o App Store ou Google Play no seu smartphone e abrir o aplicativo para se cadastrar. Após cadastrado, você escolhe o seu destino e informa qual é a sua localização. O Uber calcula a estimativa do valor da viagem antes de você confirmá-la.

A partir disso, você verá a foto do motorista e as informações do veículo que fará a corrida, assim como acompanhar a chegada dele pelo mapa.

O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou débito, opção que você escolhe durante o cadastro. Também é possível utilizar o Uber Pré-Pago, no qual você pode enviar créditos de corrida para a pessoa que você escolher.

Para mais informações, acesse o site do Uber.


Lucas Gomes já cadastrou seu Citroen C4 Pallas


Lucas é o primeiro motorista do Uber em Assis


Redação AssisCity/ Fotos: Divulgação
+ VEJA TAMBÉM