21 de Outubro de 2018
17º/33º
NOTÍCIAS » EDUCAÇÃO

Projeto de xadrez lúdico é desenvolvido na Casa da Menina, em Assis

Aulas são ministradas pela professora Cristiane Aparecida Meira, especializada na área

Em parceria com a Secretaria Municipal de Esportes de Assis, a Casa da Menina "São Francisco de Assis” oferece, através de seu Projeto Protagonista, aulas de xadrez à crianças a partir de quatro anos, até 10 anos.

A professora de Educação Física Cristiane Aparecida Meira, especializada na área, explica que as atividades do chamado "Xadrez Pedagógico” são bastante variadas.

"O xadrez é uma importante ferramenta pedagógica de aprendizagem; as aulas são oferecidas na Casa da Menina, nos períodos da manhã e da tarde, em que os alunos têm aulas de xadrez duas vezes por semana, pelo período de duas horas. Nas aulas, desenvolvo um trabalho lúdico, com pinturas, desenhos, tabuleiro gigante reciclável, adaptado, com peças feitas com garrafas pet, para facilitar a aula; e xadrez humano, em que as crianças dramatizam o jogo de xadrez”, comentou a professora.

Cristiane conta que o projeto desenvolvido na Casa da Menina é uma forma de trabalhar as potencialidades dos alunos e envolve cerca de 80 crianças, e que as aulas são divididas em turmas pequenas, para maior aproveitamento.

Ela acrescenta ainda que o xadrez em sala de aula contribui para o desenvolvimento intelectual, melhorando o raciocínio, a concentração, além da socialização e consequente exclusão da marginalidade.

"O xadrez é um excelente suporte pedagógico; sua prática auxilia no desenvolvimento de habilidades como raciocínio e concentração da criança; além de reforçar o processo de ensino-aprendizagem, preparando o aluno para tomada de decisões. Além disso, cria nos alunos a necessidade da busca pelo conhecimento, através de livros e jornais. Há ainda a possibilidade de dos alunos em participar de competições promovidas pelas entidades, levando o nome do município e da escola, proporcionando ainda uma educação ampla, dinâmica e integral, através de um trabalho criativo e dinâmico”, acrescentou a professora.

Buscando aperfeiçoar e aprimorar seu conhecimento e base pedagógica, Cristiane graduou-se em Pedagogia em 2009 e, simultaneamente, concluiu uma pós-graduação, com especialização em Jogos de Estratégias de Xadrez e Dama.

"Em 2015 iniciei uma pós-graduação com especialização em Gestão Escolar, pois acredito que a Educação não é algo estagnado e que há necessidade contínua de reciclagem para aprimoramento”, observa a professora.

E além das aulas, Cristiane também já capacitou professores que buscavam trabalhar o Xadrez de forma pedagógica. A professora tem vasta experiência na área, inclusive trabalhando o Xadrez como forma de inclusão social, pois teve uma aluna com deficiência visual.

"As aulas foram ministradas em braile, com as regras básicas do Xadrez, estimulando a aprendiz a reconhecer suas potencialidades e excluir qualquer limitação. Nesse processo, construí um tabuleiro adaptado para a aluna, e a partir de então, demos início às aulas práticas, que foram finalizadas com muito êxito”, lembra.

Cristiane participa constantemente de torneios com seus alunos, alcançando ótimos resultados, trazendo troféus e medalhas para o município. Além disso, são organizadas apresentações de Xadrez Humano, tanto na cidade, como na região, modalidade que já se tornou um referencial na área do Xadrez.

"O Xadrez Humano é um sucesso. A apresentação é constituída pela dramaturgia do jogo de Xadrez, em que os alunos participam representando cada peça do jogo. Aqui na Casa da Menina os alunos adoram essa encenação e ficam empolgados quando separamos o figurino na sala, para a representação. O Xadrez é apaixonante, pois contribui ainda na formação psicológica e, consequentemente, na elevação das disciplinas trabalhadas em sala de aula. Desenvolve habilidades e conhecimento nas áreas de Matemática, Geografia e Artes, além de oportunizar o surgimento de novos talentos, inserindo os alunos na sociedade, de forma participativa e consciente, trabalhando ainda a autoestima, a valorização, evitando e diminuindo a evasão
escolar, auxiliando na construção de uma cidadania mais humanizada e justa”, finalizou a professora.

As aulas na Casa da Menina acontecem às terças e quintas-feiras, das 8 às 10 horas, e às terças e sextas-feiras, das 15 às 17 horas.


Professora Cristiane Aparecida Meira desenvolve "Xadrez Pedagógico" na Casa da Menina, em Assis


Projeto envolve cerca de 80 crianças


Xadrez Humano é um sucesso e alunos participam representando cada peça do jogo


Nayana Camoleze/Volare Assessoria e Marketing
+ VEJA TAMBÉM