18 de Novembro de 2018
17º/33º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Penitenciária de Assis realiza gincana cultural com reeducandos

A Gincana Cultural contou com a participação de 280 alunos

Foi realizado nos dias 29, 30 e 31 de outubro de 2018, através da escola vinculadora E.E "Clybas Pinto Ferraz”, nesta Penitenciária de Assis, a I Gincana Cultural Interclasses entre os reeducandos que estudam nesta Unidade Prisional.

A proposta da atividade desenvolvida em conjunto, pelos professores, sob a responsabilidade do diretor da escola vinculadora na Unidade Prisional, José Carlos Zirondi, juntamente com a Diretoria do Centro de Trabalho e Educação e funcionários da Penitenciária de Assis.

A idéia foi expor primeiramente nas salas de aulas, atividades envolvendo a interdisciplinaridade, o trabalho em equipe, exercícios textuais, de imagens e leitura, com o objetivo de levar o aluno a reflexão no que tange a realidade social, incentivo a liberdade de expressão, a motivação e a autonomia.

A Gincana Cultural contou com a participação de 280 alunos, divididos em 14 turmas, com estudantes matriculados desde a alfabetização até a ETEC, onde participaram de dinâmicas como: quizz de conhecimentos gerais, elaboração e exposição de bandeiras, apresentação de paródias, poesias, cordéis, músicas autorais, dança e teatro.

Antes do encerramento, foi exibido o filme "Viva - A vida é uma é uma festa”, dirigido por Lee Unkrich e Adrian Molina, que aborda entre os temas, a valorização do ambiente familiar, a empatia, e o colocar-se no lugar do outro.

O sucesso da I Gincana Cultural evidenciou a importância do papel do professor como facilitador da aprendizagem, principalmente em Unidades Prisionais, além de destacar a importância dos alunos, como sendo protagonistas de conhecimento e tomando ciência de seu potencial.

Para o Diretor Geral da Unidade, Mauro Luiz Lima " A Gincana Cultural, foi mais uma das formas de aproximar o reeducando da realidade fora do ambiente prisional, além de agregar conhecimentos e valores aos mesmos. A parceria com a escola vinculadora é fundamental neste processo de ressocialização, e o apoio da Diretoria de Trabalho e Educação juntamente com a Diretoria de Segurança e Disciplina fizeram do evento uma grande conquista.

,

Divulgação
+ VEJA TAMBÉM