22 de Abril de 2019
17º/33º
NOTÍCIAS » SAÚDE

UPA Assis realiza parto de emergência

O bebê nasceu após 20 minutos da entrada da paciente

A Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Assis realizou o primeiro parto da unidade, desde seu início de funcionamento, em 2014, na madrugada desta terça-feira, 30 de janeiro. A gestante chegou de moto à UPA, já em trabalho de parto ativo, acompanhada pelo marido.

A paciente deu entrada na recepção às 00h20 e foi levada imediatamente à triagem, onde a enfermeira constatou sangramento uterino e já a encaminhou diretamente ao consultório, já que ela foi classificada como urgência e emergência. Segundo a mulher, ela estava sentindo dores desde cedo.

No consultório, a médica Dra. Lorrana de Sousa Landim Xavier, que estava de plantão na ocasião, fez o exame de toque e diagnosticou dilatação total de 10 dedos. Imediatamente, o outro médico plantonista, Dr. Rone Eder de Souza Lima, encaminhou a gestante para a sala de emergência, ao mesmo tempo que a ambulância do SAMU foi acionada. Também fazia parte do plantão daquela madrugada, e ficou atenta ao caso, a médica Dra. Berenice Umbelino Gatti.

A paciente chegou à UPA sem nenhum documento e, portanto, os procedimentos da equipe foram de cautela máxima. "Como ela não tinha a carteirinha do SUS e nem o cartão do pré-natal, não era possível saber a idade gestacional. Dessa forma, a equipe de enfermagem já foi acionada e preparou todos os materiais, como oxigênio, caso a criança não nascesse bem e precisasse de socorro”, falou a doutora Lorrana.

Vinte minutos após a entrada da gestante na UPA, o bebê nasceu. Foram feitos os testes e procedimentos normais de um hospital. Embora a Unidade não tenha a estrutura de uma maternidade, todos os procedimentos padrão para um parto foram adotados. "Uma equipe imensa trabalhou, talvez até mais médicos e enfermeiros do que se o parto fosse na maternidade”, disse a médica. Bebê e mãe receberam os primeiros cuidados, como retiramento da placenta, corte do cordão umbilical, e acolhimento adequado à criança. "Nós até desligamos o ar condicionado da sala de emergência para receber o bebê com mais acolhimento”, enfatiza a médica Lorrana.

No momento em que a equipe médica e de enfermagem terminava de acolher a paciente e o bebê, a ambulância do SAMU chegou e encaminhou ambos para a maternidade da Santa Casa de Misericórdia de Assis. A Assessoria de Comunicação da Santa Casa informa que mãe e bebê estão internados e passam bem.

Equipe Médica
Dr. Rone Eder de Souza Silva
Dra. Lorrana de Sousa Landim Xavier
Dra. Berenice Umbelino Gatti

Equipe de Enfermagem
Luis Gustavo Dionisio
Edmeia Gonçalves
Daniele Alves Pereira
Jandira Lopes
Luis Clodoaldo Kechi


O parto de emergência foi realizado na madrugada desta quarta-feira, 30, na UPA de Assis


Assessoria de Comunicação UPA
+ VEJA TAMBÉM