25 de Maio de 2019
17º/33º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Mãe perde a guarda da filha em Maracaí, some com a criança e pai clama por informações

Emerson Galvão tem a guarda da filha desde 2018

O morador Emerson Galvão está desesperado por informações sobre sua filha, em Maracaí. Ele mora no Jardim Santa Olga e desde de 2018 tem a guarda da criança.

Ele conta que no dia 31 de março deste ano, a menina completou 4 anos de idade e foi levada pela mãe, que desde então afirma que não devolverá a criança.

"Hoje faz 20 dias que não vejo minha filha e não sei mais o que fazer para ela voltar pra mim. A mãe dela nunca obedeceu às visitas e desde 2018 a menina estava sob meus cuidados e dos meus familiares. O juiz determinou que ela poderia visitar a filha aos sábados e domingos, das 14h às 18h. Mas no dia do aniversário da minha filha, a mãe veio buscar e, quando deu o horário combinado, ela não voltava. Minha tia ligou pra mãe e ela disse que não ia entregar a menina, dizendo apenas que minha filha já estava longe e a gente nunca mais ia vê-la”, afirma.

Segundo Emerson, a família já tentou rastrear as ligações da mãe da criança, mas até o momento não conseguiu descobrir seu paradeiro.

"Ela está muito esperta e liga de telefones bloqueados. Ela só fala com a minha tia, mas quando percebe que estamos tentando rastreá-la, ela desliga e passa dias sem dar informações. A última notícia que tivemos é que ela estaria em Londrina, mas não conseguimos confirmar, enquanto o último contato foi no sábado, dia 13 de abril. Já procurei o Fórum de Maracaí e a delegacia, onde registrei o B.O nº 164/2019, mas eles pedem para eu aguardar. Não aguento mais de tanto desespero longe da minha filha”, diz emocionado.

O pai salienta que a filha está desde então sem frequentar a escola e que no dia 4 de abril a criança precisava ter tomado uma vacina.

"A mãe dela já está sendo procurada por roubo de incapaz. Por conta disso, ela não conseguiria matricular minha filha em nenhuma escola e a carteira de vacinação também ficou aqui comigo. Sei que ela pintava o cabelo de loiro e agora está morena também, o que pode ajudar a identificá-la. Peço, por favor, que todo mundo me ajude a encontrar minha pequena, porque tenho muito medo de nunca mais volte a ver a minha filha ou que algo de ruim possa acontecer a ela”, conclui.

Caso alguém tenha informações sobre o paradeiro da criança, pode entrar em contato pelo telefone (18) 99661-2906 ou acionar a Polícia Militar pelo 190.


Emerson com a filha, de quem tem a guarda desde 2018


Criança está atualmente com quatro anos de idade


Segundo Emerson, mãe da criança está com os cabelos pintados de castanho atualmente


Redação AssisCity/ Fotos: Cedidas pelo pai da criança
+ VEJA TAMBÉM