29 de Outubro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » SAÚDE

Acolher as emoções das crianças durante a pandemia é a proposta do minidocumentário "Conversa de Criança – Coronavírus”

Lançamento traz à tona a importância de os adultos conversarem sobre a vivência de um luto coletivo diante da perda do mundo conhecido e a necessidade de adaptação a diversas mudanças e privações

Como as crianças estão enfrentando a pandemia? Como têm expressado seus sentimentos e lidado com os medos, as descobertas e o luto? O minidocumentário Conversa de Criança – Coronavírus traz o depoimento de 20 crianças, entre 3 e 9 anos, de vários estados brasileiros. As falas expressam o que sentem, especialmente, em relação aos desafios que a pandemia tem trazido e à adaptação a um mundo diferente do que viviam até então.

"É um convite a pais, responsáveis e cuidadores para que criem espaços para ouvir, falar, trocar impressões sobre o que estamos vivendo”, explica um dos idealizadores do projeto, Irineu Villanoeva Junior, fundador do movimento Sem Pressa Pra Viver [#sempressapraviver> e especialista em luto. "Nosso objetivo é trazer à tona a importância de os adultos acolherem as crianças e os sentimentos delas e terem uma dimensão de suas perdas e ganhos”, afirma.

Luciana Mazorra, também idealizadora do lançamento, doutora em Psicologia Clínica, co-fundadora e diretora do Quatro Estações Instituto de Psicologia, afirma que "a pandemia do novo coronavírus trouxe um grande desafio para as crianças: a vivência de um luto coletivo diante da perda do mundo conhecido e a necessidade de adaptação a diversas mudanças e privações”.

O minidocumentário é uma realização da parceria entre o movimento #sempressapraviver e o Quatro Estações Instituto de Psicologia, tendo como idealizadores o publicitário Irineu Villanoeva Junior (fundador do movimento #sempressapraviver), Louisanne Sanchez (psicóloga da equipe do Quatro Estações), Luciana Mazorra (doutora em Psicologia Clínica pela PUC-SP, Co-fundadora e Diretora do Quatro Estações Instituto de Psicologia), e Tatiana Filinto (psicanalista e escritora).
Divulgação
+ VEJA TAMBÉM