17 de Maio de 2021
20º/30º
Notícias - Educação

Alunas de Medicina da FEMA têm artigo publicado em revista internacional

Trabalho desenvolvido no Programa de Iniciação Científica (PIC) da FEMA é um dos destaques da edição de março da Revista Research, Society and Development

O artigo "A mortalidade hospitalar por causas externas no Brasil e em um município do interior de São Paulo" produzido pelas alunas Raquel Cristina
Bortolozzo e Júlia Andrade Pires Almeida, do curso de Medicina da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA)
, em parceria com os professores de Medicina, Ricardo Estefani, Arlete Aparecida Marçal, Shirlene Pavelqueires, e com os do curso de Enfermagem, Caroline Lourenço de Almeida e Daniel Augusto da Silva, foi publicado na edição de março de 2021 da Revista Research, Society and Development.

O trabalho é fruto de uma pesquisa feita em grupo, no Programa de Iniciação Científica (PIC), realizada no primeiro semestre de 2020, que teve como objetivo principal examinar as principais causas externas das internações e óbitos ocorridos no Brasil e em Assis no período entre novembro de 2019 e abril de 2020, de modo que fosse possível rastrear quais são as idades e o sexo mais afetados por elas. Os dados epidemiológicos resultantes das análises feitas pelo grupo de pesquisadores irão ajudar os profissionais de saúde a se prepararem melhor para os atendimentos desses pacientes.

De acordo com os números coletados no DATASUS, a maior causa de internação e óbitos no Brasil e em Assis é a queda, predominando na faixa etária dos idosos. A outra causa que chamou a atenção na pesquisa é que os acidentes de transporte, principalmente os de motocicleta, envolve, na grande
maioria das vezes, o sexo masculino.

Para Arlete Aparecida Marçal, "ter esse artigo publicado revela a importância da produção científica feita na FEMA. Desenvolver esse tipo de trabalho traz um aprendizado enorme para o estudante e desperta a vontade de realizar ciência e de produzir dados para melhorar o planejamento das ações de Saúde, não é em Assis, mas para todo o país", finaliza a professora. O artigo publicado está disponível para visualização através
do link.
Assessoria FEMA
+ VEJA TAMBEM