18 de Outubro de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Chuva de granizo dá início à mudança de tempo em Assis

Professor Thiago Hernandes explica o que causa o fenômeno atmosférico

Uma chuva de granizo que durou cerca de dois minutos na noite desta quarta-feira, 8 de setembro, deu início à mudança nas condições climáticas na cidade e o cenário de seca começou a perder força. De acordo com o CIIAGRO (Centro Integrado de Informações Agrometeorológicas) o volume total de chuva foi de 5,8 milímetros. Devido à rapidez da chuva e as pedras de granizo serem de tamanhos muito pequenos, não foi possível nem registrar imagens da chuva.

O professor Thiago Hernandes explica que a queda de granizo é um evento atmosférico comum e que ocorre com frequência em áreas tropicais.

"A chuva de granizo nada mais é do que o resultado da formação de uma nuvem chamada Comulonimbus que são nuvens horizontais que se formam em altitudes bastante elevadas podendo ter até 1,5 quilômetro de espessura com temperaturas muito baixas em seu interior", explica. "Essas características que vão provocar o processo de solidificação da umidade que sobe até essas altitudes maiores", explica.

O professor explica que o fenômeno é preocupante na agricultura, pois as pedras de granizo quebram as folhas das plantações, e em cidades podem provocar a quebra de telhados e danos em carros. "Nesta quarta-feira, porém, apesar de a chuva ter sido acompanhada de fortes rajadas de vento, o granizo não apareceu em grande quantidade e não causou danos", ressalta.

Segundo o Centro de Meteorologia de Bauru (IPMET) a instabilidade deve continuar até o sábado, 11 de setembro, com ocorrência de pancadas de chuva esparsas em Assis.


Redação AssisCity
+ VEJA TAMBEM