18 de Junho de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Família do radialista Cássio Cardoso pede orações e ajuda para tratamento da COVID-19

Não tinha vaga pelo SUS e ele foi internado na ala particular da Santa Casa de Assis

A COVID-19 assombra a humanidade há mais de um ano e com a família do radialista assisense Cássio Cardoso, de 43 anos, não tem sido diferente.
Internado desde o dia 8 de abril, Cassio vem travando uma batalha contra a doença.

A esposa de Cássio, Karina Cardoso Gomes, contou ao Portal AssisCity sobre a agonia da família, a dificuldade para mantê-lo na UTI particular e pede oração pela sua recuperação.

Cássio contraiu a doença e precisou ser internado. Ficou na enfermaria do Hospital Regional desde o dia 8, mas no dia 14 com agravamento precisou ser transferido para a UTI.

Não havia vaga pelo SUS e a única disponível era na ala particular da Santa Casa, "então fomos pela fé", contou Karina.

Cassio é pai de Jônatas, Cassia e Bia e "todos estão muito abalados com a doença do pai. Tem sido uma luta manter a calma para dar segurança a eles, que esperam a todo momento uma notícia de alta do pai".

Divulgação - Cássio está internado na UTI da Santa Casa de Assis
Cássio está internado na UTI da Santa Casa de Assis


Cássio, radialista administrativo da Rádio Interativa FM e muito atuante nas redes sociais.

Apesar de não ter nenhuma comorbidade, mesmo assim teve agravamento da doença.

Para manter o tratamento de Cássio amigos e familiares se reuniram e criaram uma vakinha online para ajudar a manter as despesas da UTI.

Em um trecho da descrição da vakinha, Karina explica o motivo da ação.

"Cássio continua internado na UTI e como é de conhecimento de todos, a despesa de uma UTI não é baixa ($10.000,00 no ato da internação e aproximadamente $2.500,00 a diária). Se financeiramente você não puder nos ajudar, peço que continue orando. Eu sei que juntos moveremos os céus! Deus nos abençoe e que haja misericórdia sobre o mundo", pede Karina.

De acordo com o último boletim médico, informado por Karina ao Portal AssisCity, o quadro de Cássio é estável.

"Hoje estamos em festa! Acabei de receber o boletim médico. Ele está estável, ventilação 15 litros, saturação 93, teve uma ligeira febre de 37.9°. Haverá mudança de antibiótico. Ele começará a fazer o uso da máscara Vni (fluxo maior de oxigênio) com a ajuda da fisioterapia. A noite foi tranquila, sem grandes intercorrências. Agradeço ao bom Deus e às orações de todos vocês. Tenho aprendido muito neste momento", relata Karina.

Para colaborar com a vakinha basta clicar aqui e acessar o link da vakinha ou então fazer sua transferência via PIX: 12106314825.
Redação AssisCity
+ VEJA TAMBEM