06 de Maio de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Santa Casa de Assis agradece recursos repassados pela Prefeitura Municipal

Com repasses federais em atraso, recurso liberado pela Prefeitura possibilitará a manutenção de leitos SUS Covid-19 por 30 dias

A Santa Casa de Assis recebeu, no dia 26 de fevereiro, a visita do prefeito José Fernandes e do vice-prefeito Aref Sabeh quando se reuniram com a provedora da Organização, a Profª Drª Telma Gonçalves Carneiro Spera de Andrade.

Na oportunidade, o assunto tratado foi o repasse de recurso no valor de R$ 500 mil, para custeio do atendimento SUS Covid-19. Sensibilizados pelo aumento impactante dos casos de Covid-19 e, diante do fato de que os recursos federais para manter as internações de casos suspeitos ou com diagnóstico confirmado de Covid-19 vieram apenas por três meses, o prefeito e o vice-Prefeito, juntamente com a equipe da Secretaria da Saúde de imediato foram em busca de alternativas que viabilizassem a continuidade desses atendimentos na Santa Casa de Assis.

Para a provedora Telma, "a atitude da Prefeitura de Assis e de toda a equipe, no pronto encaminhamento do recurso, demonstra o apoio e o reconhecimento ao trabalho que vem sendo oferecido no Hospital por toda a equipe da Santa Casa de Assis".

Divulgação - Santa Casa de Assis agradece recursos repassados pela Prefeitura Municipal
Santa Casa de Assis agradece recursos repassados pela Prefeitura Municipal


Sem o repasse dos recursos federais de custeio, a Organização corria o risco de interromper os atendimentos SUS por Covid-19, diante da falta de aporte financeiro para esta finalidade. Ao longo da pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19), a Santa Casa de Assis se reafirmou como socorro ao volume exponencial de pessoas contaminadas pela doença de Assis e Região.

Numericamente, desde o mês de maio de 2020 até 28 de fevereiro, já foram internados 173 pacientes na UTI Covid-19 com média de permanência de 6,74 dias, culminando numa taxa de ocupação de 76%, com um gasto médio real por paciente no valor de R$ 2.365,93/diária. Na Enfermaria, foram 198 pacientes Covid-19, com média de permanência de 4,84 dias, culminando numa taxa de ocupação de 52%, e um gasto médio real por paciente no valor de R$ 892,11/diária. Estes custos diários por paciente por si só, já são significativamente maior do que o valor destinado pelo Ministério da Saúde ao Hospitais para a realização dos serviços.
Assessoria da Santa Casa de Assis
+ VEJA TAMBEM