28 de Janeiro de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Trans de Assis pede ajuda para retirar próteses de silicone

Bianca reagiu a um assalto e foi atingida com uma facada no seio

A transexual moradora de Assis, Bianca Ramos da Silva, pede ajuda para poder realizar uma cirurgia de urgência para a retirada das próteses de silicone que tem em seus seios.

Bianca explica que no dia 17 de abril, reagiu a uma tentativa de assalto e foi atingida no seio esquerdo com uma facada.

"Quando isto ocorreu eu fui socorrida pelo SAMU até a UPA de Assis, o médico que me atendeu disse que a facada não havia perfurado a prótese e nem o pulmão, então ele fez a limpeza da região atingida e deu nove pontos para fechar o corte, fiquei um dia em observação, e depois recebi alta”, explica.

divulgação - Bianca Ramos da Silva
Bianca Ramos da Silva


Bianca conta que um mês após o ocorrido, o seio ficou inflamado devido uma infecção, ela então foi até um Posto de Saúde onde foi solicitado um ultrassom e ela foi medicada com antibiótico e antinflamatório; porém o seio voltou a inflamar de forma mais grave, e ela começou a ter febre e dores na região. A médica analisou o ultrassom e disse que estava tudo certo com a prótese.

"Alguns dias depois voltou a inflamar e sair bolhas na região da cicatriz, corri para o UPA e, segundo eles não podem fazer nada além de receitar medicamentos pois meu caso se trata com cirurgia plástica e na rede pública de Assis, só há cirurgião plástico para realizar microcirurgias, que não é o meu caso; devido a complexidade estão tentando me encaminhar para Marília, mas já há 7 meses estou sendo "jogada" para UPA, postos de saúde, secretárias, um ciclo sem fim”, explica.

Bianca relata que um amigo pagou a uma consulta em um cirurgião plástico particular onde foi constatado que o caso é urgente e perigoso já que se passaram mais de 7 meses e a prótese está rompida, contaminada e exposta, e o seio infeccionado.

"Tenho que tirar as próteses de silicone o mais rápido possível para evitar uma infecção mais forte e generalizada, por isso preciso da ajuda de todos, a cirurgia de retirada da prótese custa cerca de R$ 8 mil, e não tenho condições de pagar por ela”, conta.

Bianca pede que se alguém puder colaborar para que acesse o link da vaquinha online, onde ela conta mais detalhes sobre o seu caso: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/me-ajude-com-urgencia-por-favor.

divulgação - A facada atingiu o seio de Bianca
A facada atingiu o seio de Bianca


"Se algum médico cirurgião puder me ajudar, serei eternamente grata, eu precisarei ficar seis meses sem a prótese e caso a minha recuperação seja boa e completa poderei colocar silicone novamente, e é muito importante pra mim colocar novamente as próteses, pois creio que para todas as mulheres cis e trans é mega importante e essencial ter seios. Estou fisicamente e psicologicamente abalada”, considera.
Redação AssisCity
+ VEJA TAMBEM