25 de Novembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Voluntárias da Santa Casa de Assis produzem kits de maternidade para famílias carentes

Além dos kits para bebês as voluntárias ainda distribuem kits de higiene para pacientes atendidos pelo SUS

O Grupo de Voluntariado da Santa Casa de Assis, que está ativo desde junho de 2016, produz kits para doar para bebês de famílias carentes que nascem na maternidade do hospital.

Dulce Lucia Stoppa Thomé, coordenadora do grupo, conta que são entregues uma média de 20 kits maternidade todos os meses.

"Os kits são entregues para gestantes do SUS, pois muitas chegam ao hospital sem terem ao menos uma peça para o bebê. Então, nós estregamos os kits que são compostos por cobertor, lençol, toalha de banho, paninho de boca, e 6 trocas de bebês, com bodies, calcinha, mijão, meia, mantinha, uma manta mais leve ou mais quente conforme o clima”, explica.

divulgação - Voluntária produz peça
Voluntária produz peça


As peças são confeccionadas pelas voluntárias, com tecidos e fraldas doadas pela loja Ao Barulho, que colabora com o grupo todos os meses.

"Nós temos uma sala ao lado da Capela da Santa Casa, que nos foi doada pelo Monsenhor Floriano, onde temos as máquinas de costura e overloque. O grupo tem um total de 20 voluntárias, que se revezavam na sala para a produção das peças, porém, com a pandemia trouxe as máquinas para minha casa, e algumas das voluntárias, que são de mais idade, não estão conseguindo colaborar, assim, estamos com um grupo mais reduzido, mas que mantém os trabalhos sempre ativos”, conta.

O grupo recebe também doações de roupas de bebê um pouco maior, que são inclusas nos kits de maternidade para que os bebês tenham algumas peças conforme crescem.

divulgação - Naninhas produzidas pelas voluntárias
Naninhas produzidas pelas voluntárias


O grupo ainda monta e distribuiu kits de higiene para pacientes do SUS atendidos no hospital, pediatria e maternidade.

"Os kits de higiene são compostos por sabonete, creme dental, escova de dente, shampoo, condicionador, cotonete e pente. Destes kits a média de distribuição mensal é de 80; os bebês recebem também os kits de higiene que são diferenciados para atender a necessidade dos recém-nascidos”, destaca.

Ela conta que todos os kits são montados dos doações da comunidade, em campanhas realizadas por clubes de serviços e em escolas e pelo comércio através de ofícios.

A voluntária lembra ainda que são feitas ao longo do ano campanhas pedindo doações de fraldas geriátricas, que também são direcionadas aos pacientes do SUS.

"Fazemos também campanhas para a arrecadação de brinquedos, que são doados para os pacientes da pediatria e filhos de funcionários no Dia das Crianças e Natal”, ressalta.

divulgação - Kits são entregues para pacientes do SUS
Kits são entregues para pacientes do SUS


O grupo mantém a Lojinha do Voluntariado, onde são comercializados trabalhos com bordados produzidos pelas voluntárias, cuja arrecadação é destinada para a compra de alguns itens que possam faltar nos kits, mas que devido à pandemia está fechada no momento.

Todo final de ano as voluntárias recebem da Credicana doações de mais de uma tonelada de arroz, que é direcionada para a Santa Casa, e que supre a demanda de arroz do hospital por cerca de quatro meses.

"Toda doação é bem-vinda, toda pessoa que deseja se voluntáriar é bem recebida, pois consideramos todo apoio muito importante”, destaca.

Ela considera que o trabalho realizado é bastante intenso, mas muito gratificante. "É muito gratificante ver o sorriso no rosto de uma criança ou de um idoso, ou ainda de uma mãe que estava preocupada com o que seu filho iria ter para usar quando nascesse; desde criança sempre acompanhei minha avó em visitas a asilos e creches, e sempre fui feliz em poder ajudar o próximo”, conclui.

Quem quiser se voluntariar ou colaborar com doações de materiais pode entrar em contato com Dulce pelo número de telefone (18) 99614-8144.

divulgação - Luvinhas produzidas pelas voluntárias
Luvinhas produzidas pelas voluntárias

Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM