14 de Junho de 2021
20º/30º
Notícias - Saúde

Assis confirma mais 10 mortes por COVID e tem hospitais com taxa máxima de ocupação em UTI

Mês de maio registra 60 mortes pela doença e 2.232 casos positivos

Assis vive um dos piores momentos da pandemia do novo Coronavírus, em que 'amores' de muitos perdem a luta para o vírus que tem se disseminado violentamente na cidade, tendo sido confirmados, somente nas últimas 24 horas 10 mortes e 43 novos casos da doença.

O mês de maio ainda nem terminou e foram registrados, nesses 27 dias, 60 óbitos pela doença, 2.232 casos positivos e 4.297 notificações. 739 pacientes aguardam resultados de exames.

Total de óbitos desde o início da pandemia é 290; infectados 10.442.

Os óbitos confirmados

Os óbitos confirmados pela COVID-19 são de 5 mulheres com 64, 53, 57, 58 e 61 anos; e 5 homens com 29, 57, 65, 75 e 82 anos.
Ainda está, de acordo com o Boletim da Prefeitura, em investigação, o óbito de uma mulher de 91 anos que morreu no dia 22 de maio em outro município.
Internações

Nessa quinta-feira, 27, há 80 assisenses internados pela doença, dos quais 21 em UTI e 59 em enfermaria. Outros 61 pacientes de municípios da região também estão internados nos três hospitais de Assis.

Ocupação hospitalar

Na rede SUS, Hospital Regional e Santa Casa estão com todos os leitos em UTI ocupados. Em enfermaria a taxa de ocupação no HRA é de 82,5% e na Santa Casa de 85,5%.

Na rede particular, Santa Casa está com 140% de ocupação em UTI e Hospital e Maternidade com 110%. Em enfermaria, na Santa Casa a taxa é de 120% e no HMA de 168%.

Medidas de prevenção

Entre as medidas de prevenção, as organizações de saúde recomendam uso continuo de máscara de proteção e água e sabão para lavar as mãos, ou álcool em gel, distanciamento social, evitar sair de casa e reuniões apenas com familiares que moram na mesma casa, prevalecendo todos os protocolos restritivos. Evitar aglomerações é primordial.
Redação AssisCity
+ VEJA TAMBEM