02 de Julho de 2022
20º/30º
Notícias - Saúde

"Temos que acreditar na ciência", diz pai de primeira criança vacinada em Paraguaçu

Vinicius Henrique de Oliveira Ricci, de 7 anos, foi a primeira criança a receber a dose da vacina Pfizer infantil, contra a COVID, na cidade

O avanço da vacinação traz a esperança de dias melhores e para Alessandro Ricci, de 36 anos, ver seu filho Vinicius Henrique de Oliveira Ricci, de 7 anos, receber a primeira dose da vacina contra a COVID-19 foi emocionante.

"Vinicius recebeu sua primeira dose nesta quarta-feira, 18 de janeiro, às 15h em Paraguaçu Paulista e com certeza esse dia ficará marcado em nossas vidas. É muita emoção saber que nossos filhos também ficarão imunizados e protegidos dessa doença terrível que assola a humanidade", declara Alessandro.

Divulgação - Vinicius Henrique de Oliveira Ricci recebeu a primeira dose da Pfizer infantil - Foto: Divulgação
Vinicius Henrique de Oliveira Ricci recebeu a primeira dose da Pfizer infantil - Foto: Divulgação


O pai ainda conta que durante a pandemia viveu momentos difíceis com a internação de sua esposa Célia Marilza, de 41 anos.

"Minha esposa ficou na UTI com COVID-19 por 12 dias. Foram momentos apreensivos e que não gostamos nem de lembrar. Confiamos na vacina, e, como dizem, vacina boa é vacina no braço. Precisamos acreditar na ciência!", ressalta.

Vinicius faz parte do grupo de crianças com comorbidades e, segundo Alessandro, o pequeno não apresentou nenhuma reação ou efeito colateral após receber a dose do imunizante.
Divulgação - Cartão de vacinação infantil - Foto: Divulgação
Cartão de vacinação infantil - Foto: Divulgação

Redação AssisCity
+ VEJA TAMBEM