22 de Novembro de 2017
17º/33º
NOTÍCIAS » LOCAL

Morador de Paraguaçu é contratado como subchefe em restaurante de jurado do MasterChef Brasil

Cristiano Rodrigues faz parte da equipe do chefe Henrique Fogaça

Em 2013, Cristiano Rodrigues, também conhecido como Chefe Cris, iniciou sua carreira como cozinheiro profissional. Nascido em Rancharia, até pouco tempo atrás ele morava em Paraguaçu Paulista, quando recebeu um convite que mudaria a sua vida.

Cristiano foi convidado para compor a equipe do Sal Gastronomia, filial do restaurante do já consagrado chefe Henrique Fogaça, que ficou nacionalmente conhecido como um dos jurados do programa MasterChef Brasil. A filial foi aberta no mês de outubro, no Shopping Cidade Jardim, na capital paulista, enquanto o primeiro fica localizado no bairro Higienópolis.

"Comecei minha carreira profissional como cozinheiro em 2013, quando fiz um curso no SENAC em Águas de São Pedro. Desde então estava trabalhando como personal chef em Paraguaçu Paulista, onde morava, até que recebi o convite para trabalhar no Sal Gastronomia, o restaurante do chefe Fogaça. Durante o curso fizemos muitas amizades e um dos meus monitores, Lucas Vilela, é o sub chefe do restaurante. Em uma sexta-feira ele conversou comigo sobre a proposta, eu disse que iria pensar, e na segunda-feira minha vida estava mudada", afirma.

Cristiano aceitou a oportunidade de trabalhar com um dos grandes nomes da culinária brasileira e diz a ficha ainda não caiu.

"Foi tudo tão rápido que a ficha ainda não caiu direito. Aceitei a proposta, arrumei as minhas coisas e vim morar em São Paulo. O restaurante foi inaugurado no dia 10 de outubro, então tudo ainda é muito recente, mas tem sido uma experiência incrível. Eu sou o primeiro cozinheiro e coordenador de produção no período da noite. É um trabalho bastante puxado, já chegamos a ter um movimento de 700 pessoas no final de semana, mas todo cozinheiro sonha em trabalhar ao lado de um grande profissional. Foi tudo muito corrido, mas graças a Deus tudo se encaminhou perfeitamente e estou muito feliz", salienta.

Acostumado em morar no interior do Estado, Cristiano diz que a saudade de casa é a maior dificuldade.

"Graças a Deus toda a minha família e os meus amigos estão muito contentes com essa conquista. Ficamos um pouco tristes apenas por conta da distância, pela saudade, mas a felicidade é muito maior. Estou começando uma jornada nova, aprendendo muitas coisas e só tenho a agradecer. Primeiramente a Deus e a minha família, mas também um agradecimento especial ao chefe Tiago dos Reis Brugnerotto e seu irmão Marcos dos Reis Brugnerotto, que me deram a oportunidade de aprender sobre gastronomia. Também quero agradecer ao Lucas Vilela e sua esposa Ana Escobar, que foram meus monitores no curso de gastronomia em 2013 e que através deles hoje estou como cozinheiro no restaurante de um grande chefe como o Henrique Fogaça", conclui.


Chefe Henrique Fogaça com Cristiano Rodrigues


Cristiano Rodrigues


Redação AssisCity/ Fotos: Divulgação
+ VEJA TAMBÉM