21 de Setembro de 2018
17º/33º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Endereço fixo

COLUNISTA - Por Raquel dos Santos Andrade

Parece que foi ontem o primeiro olhar
O primeiro sorriso na recepção
Parece que foi ontem o primeiro toque
Nosso primeiro beijo, nossa primeira canção

Como sou grata a Deus
Por me permitir ser tão bem cuidada
Com tudo o que você tem de melhor
Sem precisar estar fantasiada

Características estas que eu admiro
De um carácter que não tem preço
Amor que roubou meu coração
E me fixou num só endereço

Peço todas as bênçãos de Deus
Não só no seu dia mas em todos os outros
Com a certeza de que qualquer palavra
Pra te agradecer seria pouco

Com o passar do tempo entendemos
O porquê de todos os acontecimentos
Vida longa pra você meu amor
E paz em todos os seus momentos...

Raquel de Andrade
Escreve semanalmente no AssisCity, tem 33 anos, trabalha na Rede de Supermercados Avenida há 14 anos e ama poesia. Uma frase a resume muito bem: "A poesia fala o que o coração sente, o que toca na alma... é um desabafo, um encontro de emoções, misturada com encantos e desencantos."
+ VEJA TAMBÉM