25 de Abril de 2019
17º/33º
NOTÍCIAS » ESPORTE

Grêmio e Inter buscam desbancar favoritos e sonham com título da Libertadores em 2019

Enquanto o Tricolor sonha com mais uma boa campanha e, quem sabe, o quarto título, o Colorado quer ser a surpresa da competição, após se recuperar do rebaixamento de 2016

O Grêmio e o Internacional vão, após oito anos, disputar novamente uma Copa Libertadores
na mesma edição. Classificados no Campeonato Brasileiro, a dupla vai entrar na competição
com objetivos distintos. Enquanto o Tricolor sonha com mais uma boa campanha e, quem
sabe, o quarto título, o Colorado quer ser a surpresa da competição, após se recuperar do
rebaixamento de 2016.

Talvez nem o mais otimista torcedor do Inter poderia imaginar um final de temporada tão positivo para a equipe. Com 69 pontos conquistas, a equipe ficou atrás apenas do campeão Palmeiras e da boa equipe do Flamengo. A vaga para a fase de grupos da Copa Libertadores foi garantida com certa tranquilidade.

Porém, o time não entra na Libertadores de 2019 com o objetivo principal de ser campeão.
Ainda na retomada, após a crise de 2016, o Internacional quer formar um elenco que consiga
uma boa campanha e busque na próxima temporada uma certa regularidade. Para isso, o time
vai precisar arranjar um substituto de Leandro Damião, que deixou a equipe para assinar com o Kashima Antlers, do Japão. Os objetivos maiores do time podem ser a Copa do Brasil e também o Campeonato Brasileiro.

Já o Grêmio mira alto para 2019. A equipe vem de duas boas campanhas na Libertadores, já
que foi campeão em 2017 e ficou na semifinal nesta temporada, eliminado pelo campeão
River Plate. O sonho do time é conseguir o quarto título e, para isso, vai precisar que Renato
Gaúcho continue fazendo um bom trabalho em campo. Além de encontrar jogadores que
reponham as saídas de Ramiro e Douglas.

Até o momento, ainda não chegaram reforços de peso na Arena Grêmio. Apenas os jovens
Joanderson e Guilherme Dantas assinaram contrato, porém outros jogadores, como
Marquinhos Gabriel e Rodrigo Caio, estão no radar do treinador da equipe. A confiança da
torcida em Renato Gaúcho é forte, principalmente na hora de remontar o elenco para a
próxima temporada.

Final única e argentinos na frente

A última vez que a dupla Gre-Nal disputou a mesma Libertadores foi em 2011. Na ocasião,
os dois caíram nas oitavas de final e viram o Santos, que tinha Neymar, conquistar a taça. Em
2019, a disputa não vai ser nada fácil. Será a primeira Copa Libertadores com final única, no
mesmo formato que a Liga dos Campeões tem na Europa. Ou seja, mais surpresas em um jogo só de disputa.

Os times gaúchos vão precisar bater Palmeiras e Flamengo, que são os principais brasileiros
favoritos pelo título da Liberta. No entanto, segundo alguns jornais estrangeiros e estatísticas de alguns portais de apostas online, River Plate e Boca Juniors vão sair na frente para repetirem um vencedor argentino. Nesta temporada, as duas equipes eliminaram Grêmio e Palmeiras, antes de chegarem a final.

Tricolores e Colorados podem não ser os favoritos, porém os dois possuem histórias na
competição. Assim, é impossível descartar qualquer um dos times, principalmente o Grêmio
que vive excelente fase. O Inter pode deixar para trás os anos anteriores de vexames e
finalmente fazer o torcedor colorado voltar a sorrir. A Libertadores de 2019 promete muito,
principalmente para o futebol gaúcho.

Fonte: Conmebol Libertadores via Facebook


Os times gaúchos vão precisar bater Palmeiras e Flamengo, que são os principais brasileiros
favoritos pelo título da Liberta


Fonte: Conmebol Libertadores via Facebook
+ VEJA TAMBÉM