18 de Outubro de 2019
17º/33º
ENTRETENIMENTO » BLOG

STF tira de Moro delação da Odebrecht

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 3 votos a 2, retirar do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, trechos da delação de ex-executivos da construtora Odebrecht, que envolvem o ex-presidente. Apesar disso, o magistrado não perde o processo contra o petista.

A decisão foi tomada depois que a defesa de Lula entrou com recurso na Corte. Votaram à favor de Lula os ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes, enquanto Edson Fachin, que é o relator do caso, e Celso de Mello foram contrários. A Procuradoria-Geral da República (PGR) também reprova o recurso.

Os ministros avaliaram que os trechos não têm relação com a Operação Lava-Jato, que investiga um esquema de corrupção na Petrobras. Por isso, Moro não seria responsável pelo conteúdo das delações, que seguirá agora para a Justiça Federal de São Paulo.



Renato Piovan
Renato Piovan
nasceu em Assis e é formado em Jornalismo pela FEMA. Desde muito jovem sonhava em ser jornalista, mas decidiu que queria produzir notícias não só por meio de textos, mas também de ilustrações. Atualmente mora na tranquila Pedrinhas Paulista, onde recarrega suas energias e tem inspiração para "cartoonizar" assuntos nacionais e mundiais referentes à política, cotidiano, esportes, etc. Fazendo seus rascunhos aqui e acolá desde 1997, já colaborou com suas ilustrações para diversas mídias impressas e digitais de São Paulo e Paraná.
+ VEJA TAMBÉM