Buscar no site

Bruxismo - Entenda os riscos

COLUNISTA - Patrícia Sartori

Patricia Sartori

  • 02/03/23
  • 08:00
  • Atualizado há 51 semanas

O bruxismo é uma condição em que uma pessoa range ou aperta os dentes, muitas vezes involuntariamente, geralmente durante o sono. Essa condição pode causar uma série de problemas de saúde, incluindo a disfunção da ATM (articulação temporomandibular).

A disfunção da ATM ocorre quando há um mau funcionamento da articulação temporomandibular, que conecta a mandíbula ao crânio. Os sintomas da disfunção da ATM incluem enxaqueca, dor na mandíbula, dores de cabeça, dor de ouvido, zumbido no ouvido, dificuldade em abrir e fechar a boca, estalos ou cliques ao mover a mandíbula, sensibilidade nos dentes e dor no pescoço e ombros.

O bruxismo pode causar ou agravar a disfunção da ATM, uma vez que a pressão excessiva exercida pelos músculos da mastigação pode causar danos à articulação e aos tecidos circundantes. Além disso, o ranger dos dentes durante o sono pode sobrecarregar os músculos da mandíbula e causar dor e desconforto na área.



Outro agravante do bruxismo é que pode levar à perda óssea e dentária, especialmente se a condição não for tratada. Quando uma pessoa range ou aperta os dentes, isso exerce uma pressão excessiva nos dentes e nas estruturas que os sustentam, como a gengiva e o osso alveolar. Com o tempo, essa pressão excessiva pode levar à perda de osso e dentes.

Divulgação - Foto: Divulgação/Sartori
Foto: Divulgação/Sartori

A perda óssea pode ocorrer porque a pressão excessiva dos dentes pode afetar o fluxo sanguíneo para o osso alveolar, o que pode levar à reabsorção óssea e à perda de suporte para os dentes. A perda dentária pode ocorrer devido à fratura dos dentes causada pela pressão excessiva ou pelo desgaste excessivo dos dentes. A perda óssea e dentária associada ao bruxismo pode ser ainda mais agravada se a pessoa também tiver doença periodontal.

O tratamento do bruxismo e da perda óssea e dentária associada, assim como a disfunção da ATM, pode incluir o uso de placas de mordida, que ajudam a proteger os dentes durante o sono e reduzem a pressão nos dentes e nas estruturas de suporte. Além do uso das placas, recomenda-se o tratamento com laserterapia, aplicação de toxina botulínica, fisioterapia e medicação para auxiliar na redução da dor nos casos agudos. Em casos mais graves, pode ser necessária a reconstrução dentária ou até mesmo a extração dos dentes danificados, e em ATM a indicação cirúrgica.

Também pode ser recomendado que o paciente reduza o consumo de cafeína e álcool, pratique exercícios de relaxamento, evite alimentos duros e pegajosos e faça mudanças em sua postura e hábitos de sono.

É importante tratar o bruxismo o mais cedo possível para evitar a perda óssea e dentária irreversíveis. Portanto, a ajuda de profissionais especializados é de extrema relevância para o tratamento, uma vez que essas condições podem ter um impacto significativo na qualidade de vida do paciente.

Divulgação - Patrícia Sartori, dentista - Foto: Redes Sociais
Patrícia Sartori, dentista - Foto: Redes Sociais

Serviço

Sartori Odontologia

Avenida Nove de Julho, 1129, Centro

Telefone: (18) 3324-6090

WhatsApp: 18 99701-8491

Instagram: @sartori_odonto

Receba nossas notícias em primeira mão!

Veja também
Mais lidas
Ver todas as notícias locais
Colunistas Blog Podcast
Ver todos os artigos