05 de Julho de 2022
20º/30º
Entretenimento - Colunistas

O dia em que a Cinderela foi à Podóloga

COLUNISTA - Magali Nascimento

Divulgação


Olá, Tudo bem com você e com seus pés?

Esta semana, vou brincar de ser Charles Perrault*.

Era uma vez uma garota chamada Cinderela que, no final, se casou com o príncipe que a reencontrou por causa de um certo sapatinho que ela deixou cair em uma festa (você conhece o resto da história).

No dia seguinte ao "e viveram felizes para sempre", Cindy fez um brunch para duas amigas, antes de partir em lua de mel para Cancun, com seu príncipe.

- Amiga, conta tuuudo como foi a noite… queremos saber - elas perguntavam, afoitas

- Ai meninas, foi tudo de bom e… (vamos ocultar detalhes, ok?). Estou muito feliz! O problema foi ter que usar aqueles sapatinhos de cristal durante a cerimônia e a festa. Estou com calos nos dedos e calcanhares. Meus pés estão me matando!

- Sabe o que você pode fazer, passe urtiga nos calos… vai coçar um pouquinho, mas tudo vai sumir em uns quinze dias - disse uma delas

- Não, acho melhor você fazer como a prima da avó da minha vizinha fazia: esfregue sal grosso, com mel, terra e... ai, esqueci do resto mas, ah, passe assim mesmo. Acho que seus calos vão sumir! - disse a outra.

- Não sei não meninas, melhor não fazer nada, lá na praia vou usar só chinelinho, quem sabe os calos sumam sozinhos.

Divulgação - Magali Nascimento, Podóloga - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Magali Nascimento, Podóloga - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal


Não sumiram.

Após voltar de viagem, Cindy chamou sua prima no zap. Papo vai, papo vem:

- Prima, por que você não procura a fada pra dar um jeito em seus pés?

- Ah prima, a fada já me ajudou antes, meu crédito com ela acabou. Não posso pedir mais nada.

- Não prima, falei de outra fada… é a fada-podóloga!

- Ótima idéia! - Cindy pensou.

Após algumas consultas com sua nova amiga fada-podóloga, Cinderela não tinha mais calos, calosidades ou bolhas, e pode, enfim, viver feliz para sempre.

Brincadeiras e devaneios à parte, saiba que você não precisa sentir dores nos pés, por causa do calçado que usa.

Vou passar algumas dicas:

Se usar um EPI (Equipamento de Proteção Individual), ele deve ser adequado para o tipo de trabalho e, é claro, individual. Sempre.

Opte por tênis confortáveis, arejados e sem muitas costuras..

Evite os calçados sociais de bicos fino, especialmente se você tiver pés mais largos.

Prefira chinelos, rasteirinhas, ou calçados do tipo, com formato anatômico do solado. Se forem totalmente retos, seus pés cansarão facilmente.

Botas não devem ser muito duras, escolha o conforto.

E, por fim, mulheres, sapatos de salto são melhores se tiverem um número maior que o de seu pé. Alterne o uso diário, ou por um longo período de tempo, com outro calçado mais confortável. e evite aqueles feitos de cristal (brincadeirinha).

Tenha cuidado com sapatos apertados, eles são como ímãs para calos, calosidades e bolhas. Fuja deles!

E não se esqueça, meias devem ser de algodão.

Estas dicas vão ajudar bastante.

Mas, se você já tem problemas nos pés, procure uma fada, quer dizer, uma podóloga especializada.

Além de tratar os calos, calosidades e bolhas, ela vai lhe orientar a evitar que reapareçam.

Seus pés viverão felizes para sempre!

Beijo, e até semana que vem.

* Charles Perrault é considerado "O Pai da Literatura Infantil", autor de Cendrillon ou la petite pantoufle de verre (Cinderella) e várias outras obras.
Fonte: Wikipedia (https://pt.wikipedia.org/wiki/Charles_Perrault)

Serviço
Podóloga Magali Nascimento
WhatsApp: (18) 99735-8952
Instagram: @podomagalinascimento
Facebook: Podóloga Magali Nascimento
Divulgação
Magali Nascimento
Podóloga há 10 anos. Técnica em Podologia, pelo SENAC Marília, graduanda em Tecnologia em Podologia pela Unicesumar. Certificada e especialista em knesiopodo, correção de unhas, onicomicose, laser aplicado à Podologia, ácidos e peeling e tratamento de pés diabéticos,
+ VEJA TAMBEM