28 de Novembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Ian Salomão, candidato a prefeito de Paraguaçu, ataca atual gestão e projeta vinda de curso superior para a cidade

Ele acredita que pode promover uma dinâmica diferente para Paraguaçu

O atual vereador acredita que o número de seis candidaturas ao cargo executivo de Paraguaçu é devido à rejeição à atual gestão e veiculada por meio das redes sociais e de caminhadas.

Ele informa que procurou e foi procurado por outros candidatos antes da eleição para renunciar ao cargo. "Eu procurei um ou outro candidato e fui procurado na véspera da minha convenção pelo pessoal do candidato Antian para eu desistir da minha candidatura e apoiá-los", conta. Ian julgou falta de respeito por ter se preparado por quatro anos e aponta ter um projeto de governo.

Ele acredita que pode promover uma dinâmica diferente para Paraguaçu e acusa que os mesmos a comandam há décadas e as pessoas pedem mudanças. "Não foi feita uma política para as pessoas mais humildes, simples que mais precisam", acusa. Mantendo a postura crítica, o candidato desfere comentários sobre cortes e gastos e afirma que tudo é comprovado.

Divulgação


O candidato continua apresentando um discurso de desaprovação também acerca da Saúde: "A Saúde está doente. Precisa melhorar muito", enfatiza. O candidato também alega não faltar recursos e que o problema é má gestão. Salomão considera ser preciso melhorar o gerenciamento.

Aos servidores, Ian avisa que candidatos que falarem em aumento de salário estarão mentindo porque "o Município não tem musculatura financeira para isso". Ele analisa ser possível viabilizar o décimo terceiro do cartão PAS ao término de 2021 por meio de cortes de gastos. "Isso dá para se fazer no mês de dezembro do ano que vem", diz.
Ainda sobre a saúde, Ian pretende implantar uma casa de apoio aos servidores, oferecendo atendimento psicológico, médico e dentário.

Salomão volta a atacar a atual gestão quando o assunto é Educação e realiza promessas para o setor. "Nós temos uma Prefeita inimiga da Educação. Tirou os professores generalistas. Nós vamos voltar com os professores generalistas e manter os auxiliares de vida escolar", promete. O candidato projeta, caso eleito, a atividade integradora que irá oferecer no contra turno das aulas regulares várias modalidades esportivas e teatro.

Divulgação - Ian Salomão, candidato a prefeito de Paraguaçu Paulista
Ian Salomão, candidato a prefeito de Paraguaçu Paulista


Ian almeja investimentos no ensino superior e a implantação do curso de medicina na cidade, pois já tem compromisso acordado com uma instituição universitária. "Eles têm o compromisso conosco, que, caso a gente seja eleito irão se instalar em Paraguaçu. Tem o compromisso de levar um curso de medicina", garante.

Segundo ele, serão oferecidas graduações de outros segmentos e haverá disponibilização de bolsas para os melhores alunos da rede pública. Assim, poderá fomentar a arrecadação e o emprego. "O Município não vai ter gasto com isso, não vai precisar tirar dinheiro. Vai fomentar o emprego e a renda", projeta.

A série de entrevistas continua nesse sábado com Dante Mantovani, candidato a prefeito de Paraguaçu Paulista.


Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM